Google+ Badge

terça-feira, 7 de junho de 2016

URSS



'O Sinal'



Então
nos
encontramos

Neste
espaço
inermediário
intermidiático

Com quantas
lentes
resumimos o passado?

Estes escravos do destino
de quem fez
a foice
e o martelo

sem nada a temer

De criativas
criaturas
algozes sem nome

Dos que descreveram o tempo
perdido
entre sussurros
e
gemidos

Isto é

não como todos

mas sem fim
de fazer

Encontrar
o fim
ser alguém
sem ninguém
de lado a lado
da esfera
clássica
em favor
 da humanidade


Eu digo

sinto muito









LLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

Nenhum comentário:

Postar um comentário